segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Plantio

""







"Se eu não me esforço, não adianta esperar!
O mundo é pura física: "ação e reação". Colhemos exatamente o que plantamos, por isso, se as lágrimas de hoje são um mistério, basta vasculhar lá atrás as sementes que espalhamos.
Mas, assim como na horta que cultivamos, podemos arrancar as ervas daninhas a qualquer hora, e preparar o terreno para outra semeadura. também em nossas vidas, podemos plantar as nossas melhores sementes, podemos cuidar dos nossos sentimentos, elevando a qualidade dos nossos pensamentos, regando carinhosa e pacientemente nossas atitudes.
Não espere milagres, comece agora a sua horta, mãos na terra removendo a ilusão, enxada do amor próprio para remover velhas dores, que estão fixas como "raízes em nós mesmos". E tenha paciência, esperar faz parte da sabedoria, um pé de abacate pode demorar 5 anos para dar frutos, mas quando começa a produzir, pode durar um século.
Que a sua felicidade seja uma árvore centenária, ainda que demore para começar a dar frutos, que seja perene e se espalhe pelo vento, como pólen amoroso da própria vida. Vida que convida: vem plantar amor!" 

                                                             Fotos:  Admilson Barbosa
                                                   
                                               
                                                 
                                                     
                                           
                                                         














Jeová é o meu Pastor, Nada me faltará. (Salmo 23:1)
Obrigado!

Sou Filho, Sou Amigo, Sou Pai Sou Um Ser Humano Para Mais... Admilson Barbosa, Fotógrafo


quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

FOTOGRAFIA, A ARTE QUE REVELA...


"Não importa o que eu faça, não importa o quanto eu me esforce aqueles que me causaram mal, sempre irão pagar. Não importa o que a vida me reserve, nunca esquecerei essas palavras, grandes poderes, grandes responsabilidades esta, é a minha dádiva e a minha obrigação de buscar sempre a verdade e com a verdade revelar em justiça." Eu sou Admilson Barbosa, Fotógrafo...




"Nunca acuse uma pessoa pelo o que você pensa sobre ela, mas tome atitude, através da realidade dos seus olhos. Pois a verdade parcial pode ser provada por quantidade de pessoas; mas nunca pela verdadeira e sinceridade do coração."Admilson Barbosa, Fotógrafo...







segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Formação Para a Vida

                                             Foto: Admilson Barbosa
                                            Foto: Admilson Barbosa
                                            Foto: Admilson Barbosa
                                             Foto: Admilson Barbosa
Foto: Admilson Barbosa
"Um jovem príncipe, herdeiro de um grande reino, toda manhã, ao despertar, recebia uma lista de tarefas que devia cumprir. Tarefas que o deixavam muito zangado, porque iam desde limpar os seus sapatos e vestes reais, organizar brinquedos e jogos, até lavar e escovar seu cavalo e organizar o seu quarto.
Embora não gostasse, em respeito a seu pai, o rei, ele obedecia.
Mas não deixava de ficar olhando as terras e os campos infindáveis que pertenciam à sua família.
No palácio, onde vivia, existiam muitos criados prontos para executar todas as tarefas.
Por isso mesmo é que o príncipe não entendia porque ele mesmo tinha que limpar os seus sapatos.
Certo dia, ele foi convidado a visitar e conhecer um pequeno reino.
O contato com o herdeiro daquele reino fez pensar ainda mais em como ele era injustiçado.
É que aquele príncipe tinha a seu serviço três servos.
Quando regressou para sua casa, o príncipe foi logo falar com seu pai:
- Não entendo, disse ele, porque o senhor faz isso comigo. Sou seu único filho e herdeiro. Por que devo cumprir tarefas? 
O rei, paciente, perguntou ao filho:
- Como era o reino que você visitou? Era grande como o nosso?
- É claro que não, pai. É muito menor que o nosso, mais pobre, tem menos súditos e o castelo real é dez vezes menor que o nosso. Veja bem, pai: se num reino pobre, o príncipe pode ter três criados para servi-lo, porque eu, num reino tão rico, devo fazer trabalho de criado?
- Pois é, meu filho. Saiba que há anos atrás, o reino vizinho era vinte vezes maior do que o nosso.
Nós crescemos, fomos ampliando e o reinado vizinho foi perdendo território. Seu avô sempre me dizia: “se você não pode sequer limpar os próprios sapatos, como poderá cuidar de todo um reino? Se você não é capaz de organizar seu próprio quarto, como irá governar todo um povo?”
As tarefas simples, nos educam, nos preparam para executar as maiores.
Para comandar é preciso saber fazer.
Até mesmo para exigir qualidade. Se você nunca lavou as próprias vestes, como saberá se o outro as lavou bem?
Apenas aceitará o que lhe entregam, da forma que vier. Os seus antepassados foram comprando as terras do reino vizinho, que as perdeu por não saber administrar. Talvez falte ensinar aos herdeiros lições de humildade, da importância do trabalho simples, diário. O que me diz, filho amado?
Não permita que seu filho se torne um incapaz, em razão do descaso em sua educação. Não o prepare para os tempos de facilidade e abastança, mas para os dias de necessidade e carência, de modo que a incapacidade não o mutile. Prepare-o na arte de auxiliar, de prestar colaboração, todos os dias. Logo mais, ele andará sem você pelos caminhos do mundo. Ensine-o a andar com seus próprios pés, seguro e confiante."

VALORIZE...

                                                  " LARGA DISSO E VÁ SER FELIZ"


                                         Não espere perder, para valorizar o que você tem






"O dono de um pequeno comércio, amigo do grande poeta Olavo Bilac, abordou-o na rua:
– Sr. Bilac, estou precisando vender o meu sítio, que o Senhor tão bem conhece. Poderá redigir o anúncio para o jornal? 
Olavo Bilac apanhou o papel e escreveu: “Vende-se encantadora propriedade, onde cantam os Pássaros ao amanhecer no extenso arvoredo, cortada por cristalinas e margeantes águas de um ribeiro. A casa banhada pelo sol nascente oferece a sombra Tranqüila das tardes, na varanda”.
Meses depois, topa o poeta com o homem e pergunta-lhe se havia vendido o sítio. 
- Nem pense mais nisso, disse o homem. Quando li o anúncio é que percebi a maravilha que tinha! Às vezes não descobrimos as coisas boas que temos conosco e vamos longe atrás da miragem de falsos tesouros.
Valorize o que tens, as pessoas, os momentos…."



Esperar!!!

                                                            TENHA PACIÊNCIA

Ele acaba com as guerras no mundo inteiro; quebra os arcos, despedaças as lanças e destrói os *escudo no fogo. *Sião, o seu monte santo. Ele diz: "parem de lutar e fiquem sabendo que eu sou Deus. eu sou o Rei das nações, o Rei do mundo inteiro." (Salmo 46:10,11)


"Ficamos muitas vezes intrigados com fatos e acontecimentos na nossa vida. Estamos o tempo todo achando porquês e justificativas.
Com frequência, nosso consciente vem com aquela famosa pergunta: Por que eu? Isto só acontece comigo mesmo.
O famoso " “isto só acontece comigo ",” é um julgamento antecipado dos seus pensamentos, como forma de justificar sua culpa por um erro incompreendido.
Quando encontramos dificuldades na compreensão das coisas que nos cercam, a primeira medida a ser tomada é saber que para tudo há uma resposta, mesmo que naquele momento ela não seja tão evidente.
Quando isto acontecer, viva a vida plenamente sem olhar para trás, pois mais cedo ou mais tarde tudo se resolverá. Basta saber esperar!"

O Lobo e o Leão (reflexão)

Reflexão...
"Um Lobo, que acabara de roubar uma ovelha, depois de refletir por um instante, chegou à conclusão, que o melhor seria levá-la para longe do curral, para que enfim, fosse capaz de servir-se daquela merecida refeição, sem o indesejado risco de ser interrompido por alguém.
No entanto, contrariando a sua vontade, seus planos bruscamente mudaram de rumo, quando, no caminho, ele cruzou com um poderoso Leão, que sem muita conversa, de um bote, lhe tomou a ovelha.
O Lobo, contrariado, mas, sempre mantendo uma distância segura do seu oponente, disse em tom injuriado, com uma certa dose de ironia: “Você não tem o direito de tomar para si aquilo que por direito me pertence!”
O Leão, sentindo-se um tanto ultrajado pela audácia do seu concorrente, olhou em volta, mas, como o Lobo estava longe demais, e não valia a pena o inconveniente de persegui-lo apenas para lhe dar uma merecida lição, disse com desprezo: “Como pertence a você? Você por acaso a comprou, ou por acaso, terá o pastor lhe dado como presente? Por favor, me diga, como você a conseguiu?”
Moral da História:
Aquilo que se consegue pelo mau, pelo mau se perde."

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Sou Fotógrafo, Como está a sua imagem?















17-Não tenha inveja dos pecadores. Procure respeitar e obedecer a DEUS todos os dias da sua vida. 18-Assim, o seu futuro será brilhante, e você não perderá a esperança.
(Provérbios 23: 17,18)